quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

O Diabo vai ao Analista


Carlos Moreira

Todos nós possuímos certos mecanismos que, em psicologia, chamam-se mecanismos de defesa.
  Eles têm por finalidade reduzir manifestações que podem colocar em perigo a integridade do “ego” – uma instância da personalidade definida como o nosso eu mais perceptível.

Quando o indivíduo não consegue lidar com determinadas situações, entra em ação estes mecanismos de defesa, processos subconscientes ou mesmo inconscientes que acabam permitindo a mente encontrar uma solução para o conflito que não pôde ser resolvido no nível da consciência.

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

O RIVOTRIL E A ORAÇÃO


Recentemente a revista “Época” publicou uma matéria sobre o uso do Rivotril, uma droga contra a ansiedade, de baixo custo, que tornou-se o segundo remédio mais vendido no Brasil, atrás apenas do anticoncepcional Microvlar. Segundo a revista, apesar de a droga ser antiga e estar há mais de 35 anos no mercado, nos últimos cinco anos teve uma escalada impressionante de vendas, batendo inclusive analgésicos tradicionais, como Novalgina e Tylenol.
Este dado revela um cenário social preocupante sob vários aspectos. Além dos problemas mencionados na reportagem — que vão desde o aumento dos transtornos de ansiedade e depressão na sociedade, até os milhões de dólares gastos em publicidade pela indústria farmacêutica, passando pelos atalhos usados por profissionais de saúde que não se preocupam em analisar as causas da ansiedade –, temos um quadro que desafia a fé e o chamado de Cristo.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

John Piper - Faça Guerra






Deus perdoa!



http://4.bp.blogspot.com/_FMrJcCn29V0/S9tGjrjEnCI/AAAAAAAAAT4/uB4oZKRcu8E/s1600/perd%C3%A3o.jpg


Olá pessoales!

Tudo certinho com vcs?

Essa semana eu fui fazer meu devocional matinal com o Pão Diário, e a minha irmã tinha levado junto para ler no trabalho. Então, peguei outro que tenho guardado aqui, o do ano de 2008. E Deus falou comigo através dele, que achei que seria legal repassar para vcs!

DEUS PERDOA!

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

EHW 10.000 acessos




Brigadão pra todos que acessaram O METANOOIA nesses quase dois anos de estrada.
10.000 acessos quer dizer que a palavra de Deus foi passada 10.000 vezes e edificaram a vida de varias pessoas que afinal é esse o objetivo do nosso METANOOIA.


VALEU MESMO GENTE !!!!!!!

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

O Holocausto Perfeito

“Completamente sem pecado em sua vida diária, tendo cumprido cada exigência da lei, tendo vivido de tal maneira que ninguém poderia convencê-Lo de pecado, na cruz Ele se ofereceu ‘sem mancha’ a Deus.” - Haldeman

O holocausto é a primeira forma de oferta descrita no livro de Levítico, pois fazia parte de diversas cerimônias de purificação do culto no Tabernáculo. Ele também expressava a mais completa consagração de um ser humano a Deus. Trata-se de um ritual simbólico onde alguém oferecia “VOLUNTARIAMENTE”, em sacrifício a Deus, um animal (novilho, carneiro, etc) macho e perfeito, a fim de receber a remissão de seus pecados. Quero enfatizar a palavra VOLUNTARIAMANTE. Porque essa condição? Na verdade, obrigatório era trazer uma oferta em sacrifício pelo pecado para que o pecador recebesse perdão e expiação “Se o sacerdote ungido pecar para escândalo do povo, oferecerá ao SENHOR, pelo seu pecado, que cometeu, um novilho sem defeito, por expiação do pecado.” (Lv 4.3) porém, era imperfeita a espontaneidade daquele holocausto, a partir da própria vítima - o animal. Ele, como ser irracional, não tinha outra opção nem possibilidade de escolha. Então, a voluntariedade do sacrifício era aceita por causa da vontade do ofertante.

Reflexão em um Click

"E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: 
Os sãos não necessitam de médico, mas, sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento."

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Namoro Cristão: JESUS, o vela

Você que namora há pelo menos 2 meses, deve ter conhecido um vela. O que é um vela? É aquele mala que fica junto de você e sua namorada (ou namorado) quando vocês querem um tempo a sós.
Quando finalmente esse chato vai embora, vem o suspiro tão conhecido:
“Enfim sós!”
Sim, é o momento em que você e seu namorado (ou namorada) podem ter um periodo de intimidade!
INTIMIDADE?? Opaaaaa! É comigo mesmo! Vem cá irmãzinha!!!

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Confissões de um discípulo confuso

por Zé Luís

Difícil.

Ele sabia do que falava quando afirmou que aconteceria, não houve o que fazer para evitar minha vergonhosa realidade: eu trairia, negando-o.

Estive com o Mestre por três anos, desde o começo, quando me chamou pessoalmente. Fui um dos únicos - revelado pelo próprio Espírito - a reconhecer que ali ía mais que um homem, e ao perceber a imensidão de quem estava a minha frente, recuei, pois sei quem sou, e o que Ele poderia fazer com pessoas erradas como eu em sua presença.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

O Amor Prova a Espiritualidade

Nestes dias tenho pensado sobre os essenciais do Cristianismo. Estou convicto que os periféricos da vida e ministério podem facilmente nos desviar de praticarmos um Cristianismo bíblico e simples, fazendo com que nossa atenção, energias, dons e relacionamentos se desgastem nas notas de rodapé de uma religiosidade quase vazia. Há diversos essenciais na vida Cristã. Um deles é o amor.
Preocupo-me quando apregoamos uma verdadeira espiritualidade, mas não amamos. Quando a Igreja não consegue chorar com os que choram ou quando nossos relacionamentos vão se tornando cada vez menos sinceros e mais utilitários. Preocupo-me quando o mundo age com mais graça e misericórdia com o caído do que o povo de Deus o faz. Preocupo-me quando a Igreja passa a definir sua experiência de fé a partir de seus ajuntamentos solenes e não dos seus relacionamentos diários. Preocupo-me quando não amamos.

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

QUANDO TUDO COMEÇOU A CAMINHAR PARA O INFERNO


“Os ímpios serão lançados no inferno, e todas as nações que se esquecem de Deus.” (Salmos 9:17) Os estudiosos e sociólogos dizem que hoje nós vivemos num período de experiência pós-moderna. De fato, convivemos com tecnologia avançada, globalização, comodismo (em todos os aspectos), e por aí se faz uma grande lista que, talvez amanhã já deva ser atualizada. Mas se pararmos pra pensar, como vivemos, pensamos e agimos hoje é, nada mais, nada menos, do que um seqüela da maluquice cultural e histórica que explodiu em nosso país, especialmente nas décadas de 60 e 70. Vou explicar… 

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Esse endoidou de vez!



“E propôs-lhes esta parábola: O campo de um homem rico produziu com abundância. Então ele arrazoava consigo mesmo, dizendo: Que farei? Não tenho onde recolher os meus frutos. E disse: Farei isto: Derrubarei os meus celeiros, e edificarei outros maiores, e aí recolherei todo o meu produto e todos os meus bens. Então direi à minha alma: Alma, tens em depósito muitos bens para muitos anos. Descansa, come, bebe e folga. Mas Deus lhe disse: LOUCO, esta noite te pedirão a tua alma. Então o que tens preparado, para quem será? Assim é aquele que para si ajunta tesouros, e não é rico para com Deus” (Lc.12:16-21).

Jesus contou esta parábola na ocasião em que fora procurado por um homem que disputava uma herança com seu irmão. Em vez de tomar partido, Jesus lhe chama a atenção pela avareza de seu coração, e diz que a vida do homem não consistia na abundância dos bens que possuía.

Imagine dois irmãos que cresceram juntos, receberam a mesma educação, e que deveriam se amar, agora, depois da partida de seu pai, tornam-se inimigos. Tiago estava certo ao perguntar: “De onde vem as guerras e contendas entre vós? Não vêm disto, dos prazer que nos vossos membros guerreiam? Cobiçais, mas nada tendes. Matais e invejais, mas não podeis obter o que desejais...” (Tg.4:1-2a). Tudo isso porque insistimos no erro de amar as coisas e usar as pessoas para obter o que desejamos. Que revolução experimentaríamos em nossa sociedade se aprendêssemos a usar as coisas e a amar as pessoas!

Desde cedo em nossas vidas, aprendemos a comparar o que temos com o que os outros possuem. Daí nasce a inveja, a competitividade e as desavenças. Quem não lembra do momento em que a família se reunia para abrir os presentes de natal? A gente abria o presente mirando o presente do irmão, e se perguntando a razão do dele parecer maior que o nosso.

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

John Piper e E. M. Bounds – Empecilhos à Oração




 Por: John Piper. Website: desiringgod.org Tradução e Edição: youtube.com/user/mensagensvisuais.


Orar certo é estar certo, agir certo e viver certo. Tudo que impede oração impede santidade. Quando tudo que nos impede de orar certo for removido, o caminho estará aberto para um rápido avanço na vida espiritual. Se pudéssemos contar, dia por dia, as orações que não alcançam resultado algum, que não beneficiam o homem, nem influenciam a Deus, ficaríamos pasmados ao ver os números.

Sexo? Só depois de casar!



Uma pesquisa feita nos EUA provou o que muita gente não queria que fosse provado: quem espera até o casamento pra transar tem um relacionamento mais feliz! Aleluia!

Isso mesmo! A pesquisa foi publicada na revista científica Journal of Family Psychology, e mostrou que os que casaram sem fazer o “test drive” são mais felizes. As notas que essas pessoas deram ao seu casamento foram 22% mais altas que os que tapearam os pais dizendo que iam fazer trabalho na casa da namorada.  Os que esperaram tb deram notas 15% melhores ao desempenho sexual do parceiro.

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Onde você estava?

 http://igrejaorganica.com/wp-content/uploads/2010/05/tivepreso.jpg



 Fonte: Organica

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Onde está a verdadeira cruz de Cristo?


Por : Giuliano Bercelos

Jesus nos ensina o caminho para o Reino: “Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me” [Lc 9:23]. Seguir a Cristo nesta terra nos credencia a segui-lo para além desta terra, na eternidade.

A cruz de Cristo é feita apenas com dois pedaços de madeira rústicos. Não é de madeira nobre, como mogno ou imbuia, e muito menos tem entalhes ornamentais ou tem suas rebarbas retiradas ou foi lixada para ser suave ao toque.

Cantadas Infalíveis – Gospel

http://3.bp.blogspot.com/_bWHIMyBCBTU/TRDu54NJ-sI/AAAAAAAAF4c/0MawId86_Pc/s320/Z%25C3%25A9+bonitinho.jpeg


Esse post é um serviço de utilidade pública evangélica. Você que está solteiro e querendo se arranjar, aqui está a solução! Escolha uma cantada abaixo e aplique na sua Igreja ou no próximo evento evangélico que você participar. Se você quiser colaborar, é só comentar e acrescentar a sua. Se eu gostar, reproduzirei no meu blog dando os devidos créditos.

Boa sorte na conquista!!!

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

O Dia Que Eu Morri

O DIABO MORA NA PORTA DA NECESSIDADE

http://1.bp.blogspot.com/_7VOgVIgVih8/TLfwZ0CssAI/AAAAAAAAALo/3PoiIyzuMxQ/s320/homem-negocios-diabo-chifres-reuniao-~-BCP714-12.jpg



Jesus disse aos judeus que Deus poderia “das pedras suscitar descendência à Abraão”. Entretanto, Ele negou-se a transformar pedras em pães. Mas, paradoxalmente, iniciou Seu ministério transformando água em vinho.

Portanto, quando da tentação—ocasião na qual negou-se a transformar pedras em pães—a ênfase não recai na violência essencial, do ponto de vista físico, que tal “transformação” implicaria, mas sim nas razões que o induziam a ver naquilo uma tentação.

Ora, Ele estava sendo sugestionado pelo diabo, e, em toda sugestão que carregue uma motivação errada, não importando o que seja, seguí-la, é sempre algo mal.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Monólogo da Mulher Adúltera

http://solomon1.com/wp-content/uploads/2011/01/adul.jpg



Desde pequena eu sabia o que era certo.

Meu pai, um dos principais da sinagoga, fazia questão de nos ensinar toda a Torá desde pequeninos. Na verdade, ele ensinava somente aos meus irmãos, mas eu me aventurava em ouvir os ensinos, escondida atrás da porta. Achava fascinante, e ao mesmo tempo pesado… eram tantas leis, tantos mandamentos…

Será que algum homem seria capaz de cumpri-los todos? Sinceramente, achava impossível… e me calava.
A esperança brilhava nos meus olhos quando o ouvia falando do tal messias, o que viria para salvar o seu povo. Como deveria ser? Será que o tal messias me olharia um dia nos olhos? Ou será que estava condenada a viver minha vida toda atrás das portas… escondida dos homens?

O tempo passou. Cresci, e ainda em minha adolescência fui obrigada a casar com um homem a quem não amava. Era o costume, e assim foi… Eu era cuidada por ele como um objeto precioso, havia respeito, mas não amor, amor que eu tanto procurava. Os amigos de meu pai me consideravam uma jovem muito bonita e faziam questão de externarem suas opiniões. Eu gostava. Não ouvia tais elogios de meu marido.

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Não temos medo de pensar. Temos medo de não amar.


book-love

Não temos medo de (re) pensar conceitos sobre Deus. Temos medo de não (re) amar como Cristo, quem na realidade não amamos: os mendigos, os pobres, os excluídos, os marginalizados, as crianças africanas, os homens e mulheres de Darfur.

Não temos medo de incertezas. Temos medo que nosso Amor deixe de ser nossa bandeira do Reino de Deus.

Não temos medo de não saber. Temos medo das certezas que prendem Deus a um esquema.

Não temos medo de questionar dogmas. Temos medo de que os dogmas impeçam a transformação de vidas. 

domingo, 2 de janeiro de 2011

Cristãos e o Lado negro da força

 http://2.bp.blogspot.com/_Bs8M6ycTj-E/THCF4VrqbeI/AAAAAAAACgI/0PETlnLup94/s1600/anakin_skywalker_10242www.jpg

 

 Quem gosta de filmes já deve ter ouvido essa expressão: “Lado negro da força” lá do filme star wars. Bem no filme o lado negro representa a maldade, o desprezo, a ira entre outros sentimentos que levam o homem a se desviar de Deus; e quando o anakin depois de saber dos problemas que vai enfrentar aceita ser tomado pelo lado negro, ele se transforma em algo que não lembra em nada a sua forma original.

A bíblia esta recheada pessoas que fizeram escolhas erradas em algum momento de sua jornada ou aceitaram o lado negro, mais no fim elas ainda encontraram graça e perdão aos olhos de Senhor, afinal por que essas pessoas pecaram? e como elas conseguiram que Deus as amacem novamente?