sexta-feira, 26 de junho de 2015

domingo, 21 de junho de 2015

Redenção: um conceito não religioso

http://2.bp.blogspot.com/_iX3kj3_FqXI/SpnDlzOPFWI/AAAAAAAAAUQ/TDMTXZvZ5bI/s1600/reden%C3%A7%C3%A3o.jpg

Cristãos falam muito em redenção porque Jesus chamou para si a prerrogativa de salvar. Considerando que o Nazareno não transitava entre as eminências eclesiásticas, redenção pode ser considerado a partir de conceitos não-religiosos.

Quem abre mão do nome, da reputação, da própria vida porque abraçou uma causa, está salvo do oportunismo, da demagogia e da desfiguração do eu. Quem esquece a promessa do poderoso, o estímulo do rico e o incentivo do influente para doar-se à causa do pobre está salvo de tornar-se oportunista.  Quem despreza o sucesso por amar o que faz, está salvo de deixar que a personagem tome o lugar da identidade pessoal. Quem não se importa com a conquista, mas valoriza a integridade está salvo do maquiavelismo de confundir meios e fins. Quem não cobiça o brilho está salvo de tornar-se um demônio.

segunda-feira, 15 de junho de 2015

O Abominável Homossexual e a abominação que há em mim


Por Hermes C. Fernandes

Recentemente, chamou-me a atenção um dos comentários feitos no facebook acerca de um post meu intitulado “Cristãos em defesa dos homossexuais”, segundo o qual eu estaria defendendo algo abominável. Obviamente que, em momento algum, saí em defesa da prática da promiscuidade, seja de natureza hétero ou homossexual, assim como Cristo não defendeu o adultério ao impedir que aquela mulher adúltera fosse sumariamente executada a pedradas em pleno pátio do templo. Pus-me a refletir: Se fosse um gay no lugar de uma adúltera, teria Jesus permitido que fosse apedrejado? Seriam os homossexuais uma classe abominável aos olhos de Deus? Em que se baseiam os que defendem tal coisa? Eis o primeiro verso bíblico que trata da questão:
“Quando também um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles.” Levítico 20:13
Não me atreveria a remover este verso das Escrituras! Mas por que Deus classifica atos homoeróticos como abomináveis? Seria Deus um homofóbico? Antes de tirarmos conclusões precipitadas, vamos investigar outras passagens para entender o que significa ser “abominável”.

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Deus esmagou Jesus Cristo para salvar pecadores miseráveis – Paul Washer

DeusEsmagou

“Para que você seja um verdadeiro crente, para que você seja um filho de Deus, o Filho Santo de Deus foi desamparado por Seu próprio Pai e então esmagado debaixo da punição Dele.” – Paul Washer